Monte Gordo Sand Experience consagra os primeiros vencedores da Taça do Mundo de Corridas em Areia

Tood Kellett

Todd Kellett (Motos) e  Michel Trannin (Quads) são os detentores dos títulos

Um dia de Outono em modo estival voltou a saudar quem se dirigiu à praia para assistir ao segundo dia do Monte Gordo Sand Experience, ronda final do FIM Sand Races World Cup. Com o público a voltar a marcar presença em grande número, a segunda manga das motos arrancou às 12.00, onde o foco voltou a estar na luta entre Todd Kellett (Yamaha), o líder do campeonato, e Yentel Martens (Honda), vencedor da primeira manga e ainda com aspirações. A vantagem na corrida foi para o belga, que depressa ultrapassou o francês Romain Laurent (Husqvarna), autor de uma excelente partida, para nunca mais largar o comando. Kellett seria o segundo classificado, resultado suficiente para se tornar no primeiro vencedor da FIM Sand Races World Cup. O pódio voltaria a ser fechado pelo belga Daymond Martens (Honda).

Entre os portugueses, o melhor na segunda manga foi Luís Outeiro (Yamaha), que logrou terminar em sétimo, com Paulo Alberto (Yamaha) a também lograr terminar no top 10, ao acabar em nono. Em termos de fim-de-semana, e lembrando que o resultado final é obtido através do somatório das duas mangas, o melhor classificado foi Ricardo Freire (KTM), a terminar a prova em décimo, logo seguido de Gonçalo Reis (Gas-Gas). Problemas técnicos voltaram a fazer com que António Maio não cumprisse mais que a primeira volta, com essa “fava” a calhar também a André Sérgio (Beta). Nota ainda para as vitórias finais nas categorias para Amandine Verstappen (Yamaha) a triunfar entre as senhoras, Arnaud Besnier (Honda) entre os Veteranos, Matheo Gerat (KTM) nas MJ1, Sarah Leroy (Kawasaki) entre as MJ2, Sebastien Antony (Yamaha) entre os Veteranos 1, David Megre nos Veteranos 3 e Gilberto e Mário Jordão entre as Duplas. Nas contas finais da Taça do Mundo, para além da já mencionada vitória de Kellett à geral, de salientar ainda os triunfos de Arnaud Besnier entre os Veteranos e Mathilde Denis nas Senhoras.

Michel Trannin

O público não arredou pé e ainda assistiu à segunda manga dos quads, que teve lugar às 14.30, tendo tido como primeiro líder o belga Olivier Vandendijck (Honda). No entanto, o vencedor seria mais uma vez Keveen Rochereau, a repetir o triunfo de ontem e a selar assim o triunfo no Monte Gordo Sand Experience. O francês Pablo Violet fechou o pódio, o que não foi suficiente para suplantar o compatriota Michel Trannin (Honda) na luta pelo título mundial. O argentino Vito Ferrari voltou a levar o seu KTM à vitória na categoria Junior, enquanto que o francês Benoit Sebert (Yamaha) foi o mais rápido entre os Veteranos, selando assim o título mundial nesta categoria, na frente do português Paulo Fernandes (Yamaha), enquanto que Nathanaelle Abgrall (Yamaha) foi a melhor Senhora.

Este foi um fim-de-semana de sucesso para uma nova experiência no desporto motorizado nacional, com reconhecimento por parte do presidente do município de Vila Real de Santo António, Álvaro Araújo, que considerou que a prova “foi um grande êxito, temos os hotéis e os restaurantes cheios, temos o nosso comércio a trabalhar e, o nosso objetivo passou por trazer muita gente ao nosso município nesta altura de época baixa. Creio que estamos todos de parabéns pelo êxito alcançado, com este mar de gente aqui e uma prova muito bem disputada.”   Já o presidente do ACP, Carlos Barbosa salientou que “esta foi uma aposta ganha, desafiámos o município de Vila de Real de Santo António que depressa abraçou este projeto de trazermos provas em areia em Portugal, e a quem agradecemos pelo trabalho fantástico desenvolvido que proporcionou este grande espetáculo que vimos aqui.”

 A Monte Gordo Sand Experience é promovida pela Câmara Municipal de Vila Real de Santo António e conta com a organização do Automóvel Club de Portugal (ACP), sob a égide da Federação Internacional de Motociclismo (FIM) e da Federação de Motociclismo de Portugal (FMP).